Sexo: Confira quais são os maiores problemas masculinos

Confira abaixo uma série de perguntas feitas ao urologista Jonathan Costa, formado em medicina pela USP e pós graduado em Urologia pela USP Ribeirão Preto. As perguntas foram enviadas por nossos leitores via e-mail.

Ele também vai responder perguntas sobre disfunção erétil, tempo correto para ejacular, a famosa “broxei e agora?” e muito mais. Você pode conferir isso tudo abaixo. Vamos lá?

1 – Não consigo ter uma ereção decente. O que devo fazer para melhorar isso?

Esse problema também é conhecido por disfunção erétil ou impotência sexual. Atinge homens mais velhos mas também pode acontecer com garotos mais novos. E está, quase sempre, ligado a problemas emocionais como: stress, ansiedade e medo. Porém você deve procurar um médico urologista para fazer um exame e ver como estão seus hormônios e se não tem nada físico. Vale a pena procurar um profissional especializado e relatar para ele todo o seu quadro.

2 – Não sinto desejo sexual nunca, qual meu problema? O que devo fazer?

Você deve fazer o que foi indicado na resposta número 1. Também pode procurar um psicólogo antes de ir ao médico. Geralmente com ele é possível identificar se o seu problema é emocional ou se está relacionado a algo físico.

3 -Sinto uma dificuldade enorme em manter meu pau duro durante a transa, me masturbo e consigo gozar. É normal? O que eu faço?

Você pode estar se sentindo pressionado ou estar com algum receio quando o assunto é transar com a sua namorada ou esposa. A melhor das saídas, antes de procurar um médico e um psicólogo é chama-la para conversar e explicar quais são os seus receios e suas preocupações quando o assunto é sexo.

4 – Gozo sempre muito rápido. Tenho uma dificuldade imensa em segurar a ejaculação. Qual a sua sugestão?

O nome desse problema é ejaculação precoce e afeta muito mais homens do que você imagina. A maioria deles não consegue nem sequer começar a penetração e já gozou. Está geralmente relacionado a problemas de ansiedade e falta de auto controle. Nesses casos existem alguns remédios que podem te ajudar a segurar um pouco mais a ejaculação.

Também é possível fazer alguns treinamentos e consultar-se com um psicoterapeuta. Isso já é o suficiente para que você consiga voltar a ter transas normais.

5 – Quanto tempo um homem que não tem problemas deve demorar para gozar? Existe algum tempo padrão?

A resposta certa nesse caso não existe. Não tem como eu te dizer qual o tempo correto para ejacular, porque isso não é possível. Ou seja, varia de homem para homem. Depende muito do nível de prazer que você está sentido e etc. Porém é importante lembrar que o tempo mais correto é o tempo que a sua mulher demora para se sentir satisfeita.

Isso pode demorar 30 minutos como pode acabar em 10. O que não é normal é gozar com 2 minutos de transa.

6 – Broxei e agora?

Olha, a pergunta que eu mais recebo no consultório é essa. Alguns homens dizem: “Broxei 3 vezes, o que eu faço?”. Olha, acontece com todos os homens, você precisa conseguir discernir se isso se tornou uma coisa rotineira ou pontual.

O que eu quero dizer com isso? Se você broxou 1, 2 ou se você broxou 3 vezes, está tudo ok?

Você pode estar passando por uma fase ruim. O problema é que se isso virar rotineiro você precisa procurar um médico para te ajudar. É necessário relatar todos os problemas abertamente para que ele possa te ajudar.